As palavras dos outros...

De nada vale tentar ajudar quem não se ajuda a si próprio. "Confucio"

terça-feira, 29 de setembro de 2009

The Last Waltz


sinto falta daquela
chuva que arrefece
terra seca e que dela
faz brotar cheiro inebriante
intenso e contagiante

sinto falta daquele solo
barrento e poeirento
tão alentejano onde vivi
momentos fascinantes
e consegui ser bailarino

sinto falta daquelas danças
e outras valsas que contigo
fazia à beira do lago
noites de luar tranquilas
onde eu e tu éramos um

sinto falta daquele calor
forte e possessivo
que me empurrava para
ti e para o teu nu regaço
belo e de excelência

sinto tanto a tua falta
mulher de terra quente
quero sentir todo o teu cheiro
mesmo que banhada pelas
gotas de chuva ou orvalho

9 comentários:

S disse...

Um texto interessantíssimo a que não falta uma certa ingenuidade, e tu sabes isso melhor que ninguém.
Recorda esses momentos bons, mas faz o que já devias ter feito... Liberta-te.

Anónimo disse...

hello dançarino, quando dançamos tu e eu...

Anónimo disse...

Que romântico... Aproveita

@tt disse...

É bom sentirmos falta do que tivemos ou foi nosso!!! Quanto ao que se desconhece é óptimo quando se sente saudade. =))



Beijos.

Anónimo disse...

Não concordo! É péssimo sentirmos falta do que tivemos e já não temos, principalmente quando isso que tivémos nos deixa saudades insuportáveis...

..Que só nos leva a fazer disparates

...Que só nos leva a procurar algo que substitua essa perda para atenuar as saudades que temos das coisas que perdemos.

C (zinha) disse...

Ui, esta anónima, pelo menos reconhece que andou para aí a fazer asneiras.
Oh querida, esqueça, por mais que corra não vai encontrar um Homem assim, já não se fabrica.
Também eu fiz essas asneiras faz muitos anos,mais de 20, e perdi tudo. Conservo a tristeza de nem para mim olhar, esperando que ao menos um dia me dirijas um sorriso. Tenho saudades dele.

Anónimo disse...

dele? Mas eu não falava dele. Eu falava na generalidade, de pessoas, de coisas, de sitios, de bens, da juventude, da meninice... Enfim de tudo o que temos saudades e que vamos perdendo, com o tempo :):):)

Secreta disse...

Porque nos faz falta sempre, quem nós mais gostamos.

Anja Rakas disse...

Queria aprender a bailar...
.....infelizmente o corpo é quente demais...e tenho medo de morrer estorricada!!